Iorana Korua/Koho-Mai/Bem-Vindo/Yaa'hata'/Che-Hun-Ta-Mo/Kedu/Imaynalla Kasanki Llaktamasi/Tsilugi/Mba'éichapa/Bienvenido/Benvenuto/Yá´at´ééh/Liaali/Bienvenue/Welcome/Kamisaraki Jillatanaka Kullanaka/Mari Mari Kom Pu Che/Etorri/Dzieñ Dobry/Bienplegau/Καλώς Ήρθατε/ Kamisaraki Jillatanaka Kullanaka/Sensak Pichau!!

Meu compromisso é com a Memória do "Invisível".

Pelo direito a autodeterminação dos povos e apoiando a descolonização do saber.

Ano 5523 de Abya Yala

523 anos de Resistência Indígena Continental.

JALLALLA PACHAMAMA, SUMAQ MAMA!

Témet timuyayaualúuat sansé uan ni taltikpak
Nós mesmos giramos unidos ao Universo.
Memória, Resistência e Consciência.

21.5.10

Ichi Kue/Caminho




ICHI KUE
Ichi ndooyo
nuu tsitsíka kue na yata
ichi ña tsitsíkana 
nixi tsiona ña kue ni tsio
tu'un ndiisona 
tu'un ndíí 
ña káana yee
kutu nuu yakuena
ña tsika ndavi
nuu yosokue
itakue

ndaa yoso yuku
yuchakue
yuukue
nuu tsíka ra kue ndane'e niñaaso.

Estradas de barro
caminho ancestral
brechas recorridas
histórias de ninguém
mensagens de todos
palavras de morte
Vozes da vida
inundam as travessias
viagens sem fim
pastizais
flores
vales
rios
pedras
andanças vazias
sem respostas.

Autora: Celerina Patricia Sánchez Santiago 
Mixteca da comunidade de Mesón de Guadalupe, município de San Juan Mixtepec-distrito de Juxtlahuaca - México.

*Te Pito o Te Henua divulgando a poesia das nações originárias.

E-Mail

Postagens populares

Se você é capaz de tremer de indignação a cada vez que se comete uma injustiça no mundo, então somos companheiros."